skip to Main Content

Pirenópolis recebe publicadores independentes na feira e-cêntrica

A feira e-cêntrica de publicações independentes inicia por Pirenópolis ações de itinerância, entre 14 e 16 de junho. Editoras, coletivos criativos e artistas gráficos de quatro estados e do Distrito Federal apresentam seus trabalhos, na Rua Matutina, ocupando o Centro Histórico. Realizado pela NegaLilu Editora e pela Avoar Livros, o evento também prevê oficinas, bate-papos, performances, exposição e lançamento de livro, em pontos diversos da cidade.

A e-cêntrica é uma iniciativa de apoio à inovação do mercado editorial. Originalmente, ela ocorre no primeiro trimestre do ano, abrindo o calendário nacional de feiras de publicações independentes. “Em parceria com a Leodegária Livraria, nosso próximo ponto de parada será a Cidade de Goiás, em agosto”, antecipa Larissa Mundim, curadora da feira e-cêntrica. Nesta edição, 30 expositores estão previstos, entre eles a Lote 42 (SP), A Bolha (RJ/DF), Experimentos Impressos (RS), as artistas goianas Célia Gondo e Sophia Pinheiro, as livrarias Palavrear, Pomar e Mandrake Comic Shop, entre outros. (veja lista completa em anexo)

Para Pirenópolis, a e-cêntrica propõe programação que contempla atividades de estímulo à leitura e à escrita, a aproximação entre autores e leitores, oficinas de autopublicação. “O programa teve como ponto de partida o trabalho que é desenvolvido por profissionais que residem em Pirenópolis e, em seguida, acolhemos os parceiros que foram se envolvendo no projeto”, lembra a livreira e co-realizadora da feira e-cêntrica Tatiana Moreno.

O resultado é uma construção coletiva. Na sexta-feira, as mediadoras Kézia Mendonça e Kaká Queiroz, conduzem sessões gratuitas de contação de histórias às 10h e às 16h, no Centro de Artes Ita e Alaor. A fundadora da COEPI (Comunidade Educacional de Pirenópolis), Isabella Rovo, oferece a oficina Literatura de Cordel, às 14 horas, também aberta ao público.

Bordado sobre papel
Interessados em compor um Caderno de Botânica a partir de Bordado sobre Papel podem se inscrever na oficina do colagista gaúcho Ricardo Rodrigues, editor da Experimentos Impressos. Marcada para a sexta (14/6), às 18 horas, na Avoar Livros, a oficina conta com oito vagas para mulheres e homens com ou sem experiência em costura artesanal.

Segundo Ricardo Rodrigues, a oficina tem como objetivo apresentar a técnica e trabalhar com pontos que simulem plantas e flores, e aplicá-los em um pequeno livreto na parte final da oficina.“A proposta engloba, então, duas frentes criativas de trabalho: a composição de pontos e a criação de uma publicação”, esclarece o editor, contando também que esta atividade é desdobramento de uma publicação homônima da editora Experimentos Impressos, atualmente em processo de criação. Investimento: 70 reais.

Caderno de Botânica é um projeto editorial da Experimentos Impressos (RS), que está em processo criativo.

As performances, tanto nas artes cênicas quanto nas artes visuais, também integram a programação da feira e-cêntrica. O dramaturgo Paulo Cabral, residente em Pirenópolis, encena o espetáculo teatral “Liberdade, liberdade!”, no Cine Pireneus, na sexta e no sábado, às 20 horas. A entrada é gratuita. Também no sábado, às 16 horas, a artista Morgana Poiesis propõe a performance “Mandala do Silêncio”, na Rua Matutina, na companhia das performers Claudinha Machado, Taís Moreira, Kaká Queiroz e Nilva Pacheco.

O sábado tem programação mais intensa, iniciando com o minicurso “Produção gráfica ‒ Como fazer um livro? Da ideia ao produto final”, com o publicador Marcos Lotufo, às 10 horas, no Atelier Lotufo, no Bairro do Carmo. A atividade é gratuita e prevê 15 vagas. No mesmo horário, as mediadoras Kaká Queiroz e Kézia Mendonça realizam mais uma sessão de contação de histórias, na Praça da Bandeira, no Bairro da Lapa.

Cordel
O Coletivo Malungada promove uma exposição de Cordel, no Armazém da Gabi, no Centro Histórico, a partir das 16 horas. Na abertura da mostra, está previsto encenação de Teatro de Mamulengo, com Macaco Arva (DF), que volta a se apresentar no domingo (16/6), às 16 horas, na Praça do Coreto. Formado por Keyane Dias, Davi Mello, Sabiá Canuto e Fernando Cheflera, o Coletivo Malungada reúne poetas cordelistas da nova geração brasiliense ligados à cultura popular brasileira, meio ambiente, questões sociais e autoconhecimento.

Para autoras e autores que estejam em processo de pesquisa e de escrita para publicação, a e-cêntrica organiza o bate-papo “A escrita que pede para existir: relatos de primeira viagem”, às 17 horas, na Avoar Livros, na Rua Matutina. Nesta roda de conversa, os autores Adriano Fernandes e Ciro Gonçalves compartilham processos criativos e de construção de narrativas, além de estratégias de publicação independente.

“Benzedura” é um cordel de autoria de Keyane Dias, integrante do Coletivo Malungada (DF).

Lançamento e sarau
“Breves Danças à Margem”, primeira publicação da dançarina e pesquisadora, Luciana Ribeiro, tem lançamento previsto na feira, às 19 horas. Acompanhada de artistas citados no livro, que registra momento histórico da dança em Goiás na década de 1980, a autora transcorre sobre fatos que reverberaram em todo o Brasil e que ainda indicam rumos para a dança no Estado.

Realização do Grupo Por quá com apoio do Fundo de Arte e Cultura de Goiás, “Breves Danças à Margem” foi publicado pelo Selo Eclea da NegaLilu Editora e estará à venda na Avoar Livros. Após o lançamento, o sábado termina com o Sarau e-cêntrica, um encontro entre poetas, músicos e performers participantes da feira.

Luciana Ribeiro: autora do livro “Breves Danças à Margem”.

Domingo
No último dia da feira e-cêntrica, o produtor cultural Diogo Damasceno conduz oficina de zine, às 10h, no Hostel Jardim Secreto, localizado na Rua Matutina. O zine é uma publicação caseira, feita de maneira artesanal, com grande potencial de difusão de ideias. O número de vagas é 15 e o investimento é de 20 reais.

As poetas goianas Cássia Fernandes e Dairan Lima têm um encontro marcado, às 11h30, na Avoar Livros, para o bate-papo “A sua poesia me representa”. A ideia é que uma comente o trabalho da outra, a partir da leitura de cinco poemas publicados nos livros “Almofariz do tempo” e “Vermelho”, ambos lançados pelo Selo Pantheon da NegaLilu Editora.

A última roda de conversa da e-cêntrica reúne os escritores André Giusti (DF), Hugo Studart (DF), Thaise Monteiro (DF) e Pedro Tostes (SP), às 15 horas, na Avoar Livros. Autores de romances, contos e de poesia, cada um em seu estilo é convidado a compartilhar impressões sobre o tema “A narrativa que nos move em tempos de resistência”.

Última edição da feira e-cêntrica, realizada em Goiânia/GO. Foto: Layza Vasconcelos

 

Programação
Feira e-cêntrica – 14 a 16 de junho de 2019, Pirenópolis/GO
14 jun (SEX)

10h – Contação de histórias, com Kézia Mendonça
Local: Centro de Artes Ita e Alaor – Centro Histórico
Entrada franca

14h – Oficina: Literatura de Cordel, com Isabella Rovo
Local: COEPI – Bairro do Carmo
Entrada franca

16h – Contação de histórias, com Kaká Queiroz
Local: Centro de Artes Ita e Alaor – Centro Histórico
Entrada franca

17h às 22h – Feira e-cêntrica: publicações independentes, fotografia e artes gráficas, com 30 expositores de Goiânia, Pirenópolis e Brasília
Local: Rua Matutina – Centro Histórico
Entrada franca

18h – Oficina: Bordado sobre papel, com Ricardo Rodrigues (Experimentos Impressos)
Local: Avoar Livros – Rua Matutina
Inscrição: R$ 70,00
8 vagas

20h – Espetáculo teatral: “Liberdade, liberdade!”, direção de Paulo Cabral
Local: Cine Pireneus, Rua Direita – Centro Histórico
Entrada franca

15 jun (SAB)

10h – Minicurso: “Produção gráfica ‒ Como fazer um livro? Da ideia ao produto final”, com Marcos Lotufo
Local: Atelier Lotufo – Bairro do Carmo
15 vagas
Entrada franca

10h – Contação de histórias, com Kaká Queiroz e Kézia Mendonça
Local: Praça da Bandeira – Bairro da Lapa
Entrada franca

14h às 22h – Feira e-cêntrica: publicações independentes, fotografia e artes gráficas, com 30 expositores de Goiânia, Pirenópolis e Brasília
Local: Rua Matutina – Centro Histórico
Entrada franca

16h- Exposição de Cordel | Coletivo Malungada
Local: Armazém da Gabi – Centro Histórico
Entrada franca

16h – Teatro de Mamulengo, com Macaco Arva
Local: Armazém da Gabi – Centro Histórico
Entrada franca

16h – Performance: “Mandala do Silêncio”, com: Morgana Poiesis, Claudinha Machado, Taís Moreira, Kaká Queiroz e Nilva Pacheco
Local: Rua Matutina – Centro Histórico
Entrada franca

17h – Bate-papo: “A escrita que pede para existir: relatos de primeira viagem”, com Adriano Fernandes e Ciro Gonçalves.
Local: Avoar Livros – Rua Matutina
Entrada franca

19h – Lançamento: “Breves Danças à Margem”, de Luciana Ribeiro (Selo Eclea – NegaLilu Editora)
Local: Avoar Livros – Rua Matutina
Entrada franca

20h – Espetáculo teatral: “Liberdade, liberdade!”, direção de Paulo Cabral
Local: Cine Pireneus, Rua Direita – Centro Histórico
Entrada franca

21h – Sarau e-cêntrica – autores e artistas diversos
Local: Rua Matutina – Centro Histórico
Entrada franca

 

16 jun (DOM)

10h às 16h – Feira e-cêntrica: publicações independentes, fotografia e artes gráficas, com 30 expositores de Goiânia, Pirenópolis e Brasília
Local: Rua Matutina, Centro Histórico
Entrada franca

10h – Oficina de Zine, com Diogo Damasceno
Local: Hostel Jardim Secreto – Rua Matutina
Inscrição: R$ 20,00
15 vagas

11h30 – Bate-papo e leitura comentada: “A sua poesia me representa”, com Cássia Fernandes e Dairan Lima
Local: Avoar Livros – Rua Matutina
Entrada franca

15h – Bate-papo: “A narrativa que nos move em tempos de resistência”, com André Giusti, Hugo Studart, Thaise Monteiro e Pedro Tostes
Local: Avoar Livros – Rua Matutina
Entrada franca

16h – Teatro de mamulengo e contação de histórias, com Macaco Arva
Local: Praça do Coreto – Centro Histórico
Entrada franca

EXPOSITORES DA FEIRA E-CÊNTRICA

A Bolha (RJ)
Ana Flávia Maru (GO)
André Giusti (DF)
Avoar Livros (GO)
Ana Póvoas (GO)
Bibliofuscoteca (GO)
Carlos Edu Bernardes (GO)
Celia Gondo (GO)
Cida Carneiro (GO)
Coletivo Malungada – Davi Mello + Keyane Dias + Thiago de Barros + Sabiá Duqueza (DF)
David Mendoza (GO)
Edith Lotufo (GO)
Experimentos Impressos (RS)
Flor de Saturno (GO)
Hugo Studart (DF)
Joaquim São Pedro (DF)
Lee Schetinger (GO)
Lote 42 (SP)
Mandrake Comic Shop (GO)
Morgana Poiesis (GO)
NegaLilu Editora (GO)
O Jardim (GO)
Palavrear Livraria (GO)
Pedro Tostes (SP)
Pomar Livraria (GO)
Rebellium Coletiva (GO)
Sophia Pinheiro (GO/RJ)
Valentina Fraiz (GO)

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top